“Pense em uma ma√ß√£.” Uma frase simples, mas que nos leva a refletir sobre como percebemos o mundo ao nosso redor, especialmente no universo do branding. Muitos de n√≥s visualizamos imediatamente uma ma√ß√£ vermelha, revelando a poderosa influ√™ncia da linguagem visual na decodifica√ß√£o de significados em quest√£o de segundos.

Quando falamos de branding, é comum associar imediatamente a construção de conhecimento da marca, propaganda e campanhas de topo de funil. No entanto, em um cenário onde a experiência do cliente se tornou crucial em todas as etapas da jornada, é vital ampliar nossa compreensão sobre o que realmente significa fazer branding.

Antes da revolu√ß√£o dos smartphones, a comunica√ß√£o era predominantemente publicit√°ria, com marcas transmitindo suas mensagens por meio de canais controlados como TV, outdoors e spots de r√°dio. Os consumidores absorviam essas informa√ß√Ķes sem a facilidade de pesquisa online, sem o Reclame Aqui e sem a verifica√ß√£o das redes sociais para entender a reputa√ß√£o de uma marca. Era uma era de controle unidirecional da informa√ß√£o.

Com a ascens√£o dos smartphones, a din√Ęmica mudou drasticamente. A informa√ß√£o tornou-se assim√©trica, vindo de diversas fontes, p√ļblicos, perspectivas e canais. As jornadas digitais expuseram as marcas intensamente, tornando cada ponto de contato uma oportunidade crucial para influenciar a percep√ß√£o da marca.

√Č aqui que reside uma grande oportunidade muitas vezes subestimada. Cada intera√ß√£o na jornada do cliente √© uma chance de expressar os valores da marca. Em um cen√°rio de or√ßamentos limitados, como muitas startups enfrentam, essas oportunidades s√£o vistas como ouro. Desde o reconhecimento como Top Startup no LinkedIn at√© a reda√ß√£o dos Termos & Condi√ß√Ķes pelo time jur√≠dico, cada momento √© uma oportunidade de construir a marca.

No contexto jurídico, e em muitos outros setores, há a chance de alinhar os compromissos da marca com as entregas específicas do time. Construir um arcabouço sólido para garantir uma experiência consistente, presente e alinhada aos valores da marca é a essência do branding eficaz.

Para muitos profissionais, seja na área técnica ou em outras, esse enfoque pode ser novo. No entanto, compreender os compromissos da marca e contribuir para sua percepção é mais do que ser tecnicamente habilidoso; é ser um profissional contextualizado, impactando positivamente no negócio.

Convido você a explorar os compromissos da marca com a qual você trabalha e compreender como sua atuação contribui para sua percepção. O mundo avança rapidamente para novos horizontes, como a inteligência artificial e a web3, e entender seu papel no contexto do branding é fundamental para se destacar no próximo capítulo dessa evolução tecnológica.

Seja parte ativa na constru√ß√£o da narrativa da sua marca, pois cada intera√ß√£o conta na jornada para o pr√≥ximo salto tecnol√≥gico. ūüöÄūüĆź #Branding #ExperienciaDoCliente #Tecnologia #Inovacao #AgenciaEverest

Fonte: https://www.meioemensagem.com.br/opiniao/por-que-branding-nao-e-so-awareness